pOR DIEGO QUEIROZ

O que está por trás das Fake News: a pós-verdade.

Um dos motivos para as pessoas acreditarem nas Fakes News está na palavra pós-verdade: termo criado em 2016 pelo departamento da universidade de Oxford

Por Gleiziele Oliveira

Um povo sem memória

Quando se pensa na história do negro no mundo, a primeira imagem que vem a mente é a escravidão dos povos africanos, a desumanização do homem objetificando o outro. Os números dessa diáspora são incalculáveis, temos noção de onde começa e “termina”, mas não dos estragos no meio desse processo longo e tortuoso. 

Por HENRIQUE

Analfabeto político hoje

No Brasil de hoje, o analfabeto político não é mais aquele que desconhece o impacto das decisões políticas sobre sua vida. É verdade que ele não sabe as dimensões desse impacto sobre cada aspecto da vida, pois desconhece detalhes importantes do funcionamento da economia e das instituições.

MAIS MATÉRIAS

Homenagem a Marielle Franco

A morte não apaga o brilho de uma estrela

Me emocionei quando li a notícia. Por ela, e por tantas pessoas – negras e pobres – que vivem essa situação diariamente. Dói perceber: que estamos longe de um país cívico. Um país que realmente cuide das suas “feridas” históricas.

Mas por amor da natureza – com os injustiçados –, estrela não se apaga. É sua essência nascer para brilhar; mesmo que a morte, covardemente, venha se apresentar. A estrela tem a generosidade de não brilhar só para si. Elas nos fazem lembrar que mesmo na escuridão da noite, o céu pode ter seu brilho. Assim foi com Rosa Parks, Carolina Maria de Jesus, Nina Simone, Dandara e não vai ser diferente com Marielle Franco. Pois, por onde essas mulheres – estrelas – passaram, deixaram seus rastros luminosos.

É lei da natureza, por isto repito: uma estrela mesmo depois de morta, continua a brilhar. 

ENVIE A SUA MENSAGEM

ENVIE A SUA MENSAGEM